Divagações da Flor

click to comment

Quantas vezes passamos em silêncio, por almas perdidas no tempo...
Quantas vezes nos deixamos levar pela beleza de um olhar...
Há mais ... sem dúvida pensamos nós....
Mas afinal era apenas mais uma alma perdida no tempo...
Que só queria divagar e passar um bom momento...
Esses momentos deixam-nos vazios e sem destino...
Quem me dera que assim não fosse...
Resisto com afinco...
Dando valor a minha verdadeira essência...
Pode ser que um dia note-se a minha presença...
Não apenas física ... mas o meu mais profundo ser...
Quem assim o descobrir não se irá arrepender...
Sou flor ... de cara lavada ... esboçando sempre um sorriso ... a espera de nada...
Deixo-me ficar no meu canto protegido ... aonde as intempéries fatais não me apanham desprevenida...
E assim o tempo vai passando ... contando histórias de embalar ... talvez tu oiças o meu desejo... de Te Encontrar!!!

By EA 07-08-08

Sem comentários: