Voltar a Viver

click to comment

Talvez um pouco influenciada pelo filme "Sex and the City", aonde todas as minhas amigas dizem que eu sou a Samantha Jones, começo a acreditar que sim...
Não pelo facto de ela ser uma "Ninfomaníaca", porque não é assim que me descrevo, mas sim pelo facto de ela ter a necessidade de estar em 1º lugar...
Amar-se a si própria, antes de amar um homem, deverá ser essa a atitude mais correcta?
Creio que sim, depois desta minha última experiência, aonde eu achava na minha mais pura inocência ter encontrado o homem que me amava mais que tudo e que tinha entrado na minha vida na pior altura e que sabia lidar com isso e que me apoiava a 100%. Quando dei por mim, ele saia porta a fora... e agora pensava eu???
Estou perdida...?! Com uma depressão, de baixa, quase sem emprego... e quase sem casa... sem carro e a morar no meio do nada...
Não pode ser... Nem hoje nem nunca mais, poderei permitir que alguém esteja em primeiro lugar na minha vida, anulei-me, deixei de ter o gosto da vida, de sorrir, de me sentir feliz... Só pensava em deixar tudo perfeito para quando ele chegasse a casa se sentisse feliz... e ele não reparava em pequenos gestos que me deixavam cada dia mais deprimida...
Não o vou culpar de tudo... quando algo não dá certo a culpa é dos dois... Mas apenas pedia um pouco mais de paciência... e infelizmente essa não houve....
Agora que nem a Samantha Jones, que no filme deixa o amor da sua vida, pq nos últimos cinco anos viveu apenas para ele e engordou 8 quilos, irei viver a Elisa Albuquerque, dedicar-me de corpo e alma, a minha nova vida que se inicia agora no mês de Julho, aonde irei mudar de casa e resolver o assunto Trabalho mais cedo ou mais tarde, para por uma pedra que me magoa no sapato já há algum tempo!
Eu sei o que valho, sei que valho muito mais do que as muitas lágrimas que já derramei pelo fim desta relação, sei que já deveria ter apreendido, mas como se diz: "Viver é apreender"
E é assim meu povo, levantar a cabeça e dizer chega de anulações, de sopeirismos, de vidinha de casa... eu sou uma Mulher que já vive sozinha desde os meus 17 anos, calculo que a minha relação perfeita seja mesmo cada um na sua casa... acho que na minha cama a 100% só cabe mais uma "pessoa" - A Xilla!!!
Vou viver um dia de cada vez, tentar sarar esse coração e seguir em frente... pq é esse o caminho... não há outro... não há histórias para recordar e sim lições para estudar... e erros para não se voltar a cometer!
Pensar em mim.... e na minha Vida, porque eu sou mais importante que o resto do Mundo!!!

1 comentário:

Anónimo disse...

só te esqueceste de uma coisa... a capacidade de renovação que o coração possui. o facto de, mesmo depois de partido em mil pedaços, conseguir sempre recuperar, refazer-se e voltar a sair do peito com a força bruta de nos abanar a alma. pensa em ti, mas não em oposição de deixares de pensar nos outros, mas sim porque dantes não o fazias. o coração, se não for utilizado para amar outra pessoa, definha, encarquilha e morre... acredita no que te digo. aprendi da pior forma. alfie